Artigos

O plano estratégico PNEFA do Brasil e o acordo Mercosul-União Europeia foram os principais assuntos discutidos na primeira reunião da diretiva da FARM do ano - 19 de março de 2021

Com ampla participação de representantes da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai, em 19 de março de 2021, o Conselho Diretivo da FARM reuniu-se via Zoom.

20210319 FotoReunionZoomFARM

A presidenta pro tempore, Teresa Vendramini (SRB), deu as boas-vindas e os representantes trocaram suas percepções sobre a situação sanitária causada pela pandemia covid-19 nos respectivos países.

No que diz respeito às exposições rurais e face à situação de pandemia, neste momento a Expo Palermo está marcada para o final de Julho, a Expo Prado e a Expo ARP estão adiadas para setembro.

Da reunião participou como convidado especial Geraldo Moraes, diretor do Departamento de Saúde Animal da Secretário de Defesa do Ministério de  Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil (MAPA), para troca de informações, o que destaca a relevância da vinculação entre o setor público e privado na saúde regional, questão que tem sido uma preocupação constante para a FARM.

Geraldo Moraes fez uma detalhada apresentação sobre o plano estratégico 2017-2026 do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa no Brasil (PNEFA). Ele enfatizou a ideia de que não se trata apenas da suspensão da vacinação, mas que a vacinação está sendo substituída por programas específicos de controle e vigilância epidemiológica. Trata-se de avaliar os riscos de se passar para uma situação de saúde possivelmente de maior vulnerabilidade. Para tanto, a estratégia implica uma forte interação entre os atores envolvidos, a ampliação das capacidades do SVO, o fortalecimento do sistema de sanitária animal e a transição de uma zona livre de febre aftosa com para sem vacinação. Ele ressaltou que o produtor rural é um ator fundamental na vigilância.

Em seguida, foram trocadas consultas e depois os representantes também falaram sobre as últimas notícias da concretização do Acordo de Associação Interregional entre o Mercosul e a União Europaia (UE), com contribuições dos assessores Amanda Araújo (SRB) e Raúl Roccatagliata (SRA).